Quinta-Feira, 17 de Outubro de 2019, 14h:13

Tamanho do texto A - A+

Contra Bolsonaro, Barbudo não apoia escolha de Eduardo à liderança do PSL

Por: FERNANDA ESCOUTO

câmara dos deputados

VALTENIR PEREIRA

Nelson Barbudo

Um possível racha dentro do PSL pode ser anunciado nos próximos dias. Isso porque um dos mais fortes apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PSL) em Mato Grosso, o deputado federal Nelson Barbudo (PSL), não apoiou a indicação do deputado Eduardo Bolsonaro à liderança do partido na Câmara Federal.

Barbudo votou no Delegado Waldir (PSL-GO). O voto foi contra o projeto do presidente, que indicou o filho ao cargo. Waldir pertence ao grupo liderado pelo presidente nacional do PSL, deputado federal Luciano Bivar. Já Eduardo, é indicação de Bolsonaro. Nesta quarta-feira (17), em meio às tensões na bancada, 27 dos 53 parlamentares deram a vitória a Waldir.

“Apoiamos o nosso líder Waldir, que tem desde o começo do governo Bolsonaro tem empenhado sua confiança e a dos nossos correligionários. Obrigado Waldir, por estar sempre nos orientando, nos liderando, portanto, nós devemos lealdade à vossa excelência”, disse Barbudo na tribuna, antes do resultado da votação.

“Estão tentando transformar o PSL num partido de briga e não é essa a intenção daqueles que, como eu, fizeram campanha para o nosso presidente Jair Bolsonaro, e agora vê a discórdia querer imperar no nosso partido”, completou o deputado federal que é presidente da sigla em Mato Grosso.

Apaziguando

O deputado estadual Sílvio Fávero, que ocupa também o cargo de vice-presidente estadual do PSL, afirmou ao HNT/Hipernotícias, nesta quinta-feira (17), que embora a situação seja delicada, a sigla segue firme no projeto de eleger o maior número de candidatos nas eleições de 2020, quando ocorrem as eleições municipais.

“A situação é delicada, mas ganhamos por um voto e elegemos o Eduardo como líder do PSL na Câmara. Apesar de um possível mal estar, acredito que o partido segue firme, tranquilo. Não altera em nada isso. Os atos de filiação continuam firmes e fortes no interior do Estado”, disse Fávero.

Deputados que assinaram apoio para o Delegado Waldir seguir sendo líder:

1-Profª Dayanne Pimentel (BA)

2-Heitor Freire (CE)

3-Julian Lemos (PB)

4-Daniel Freitas (SC)

5-Delegado Pablo (AM)

6-Delegado Marcelo Freitas (MG)

7-Sgtº Gurgel (RJ)

8-Júnior Bozella (SP)

9-Nicoleti (RR)

10-Soraya Manato (ES)

11-Charles Evangelista (MG)

12-Abou Ani (SP)

13-Fábio Schiochet (SC)

14-Felipe Francischini (PR)

15-Cel Tadeu (SP)

16-Delegado Antônio Furtado (RJ)

17-Joice Hasselmann (SP)

18-Delegado Waldir (GO)

19-Enéas Reis (MG)

20-Delegado Felício Laterça (RJ)

21-Léo Motta (MG)

22-Lorival Gomes (RJ)

23-Luciano Bivar (PE)

24-Marcelo Brum (RS)

25-Nelson Barbudo (MT)

26-Nereu Crispim (RS)

Deputados que assinaram para Eduardo Bolsonaro ser líder:

1-Prof. Josiel (RJ)

2-Loester Trutis (MS)

3-Luiz Lima (RJ)

4-Cel. Chrisóstomo (RO)

5-Felipe Barros (PR)

6-Eduardo Bolsonaro (SP)

7-Chris Tonietto (RJ)

8-Caroline de Toni (SC)

9-Carlos Jordy (RJ)

10-Sanderson (RS)

11-Dr. Luiz Owando (MS)

12-Gen. Girão (RN)

13-Gen. Peterneli (SP)

14-Daniel Silveira (RJ)

15-Major Vitor Hugo (GO)

16-Bia Kicis (DF)

17-Carla Zambelli (SP)

18-Cabo Junio Amaral (MG)

19-Hélio Lopes (RJ)

20-Alê Silva (MG)

21-Aline Slejtes (PR)

22-Príncipe Luiz Philippe (SP)

23-Cel. Armando (SC)

24-Guiga Peixoto (SP)

25-Márcio Labre (RJ)

26-Bibo Nunes (RS)

27-Ricardo Pericar (RJ)

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei