Quarta-Feira, 21 de Março de 2018, 07h:58

Tamanho do texto A - A+

Movimento ligado ao PSB emite nota de apoio a Kardec

Por: REDAÇÃO

O Movimento Popular Socialista (MPS), ligado ao PSB, emitiu nota de apoio à filiação do deputado Allan Kardec ao partido. A manifestação, assinada por coordenadores de todas as regiões do país, ocorre depois que o secretário-geral da sigla em Mato Grosso emitiu uma nota informando que os pré-candidatos rejeitaram a filiação de Kardec, que se desligou do PT. O caso deverá ser decidido pela Executiva Nacional.

 

JL Siqueira - Secom ALMT

Alan Kardeck

Deputado Allan Kardec

Na carta, os integrantes do MPS repudiam as manifestações contrárias à filiação de Kardec, que deverá ocorrer em conjunto com outras integrantes de movimentos sociais ligados ao ex-petista. “Temos acompanhado pela imprensa de Mato Grosso diversas manobras de pessoas alheias aos nossos quadros e pertencentes a outros partidos, em especial a partidos de Direita que não querem o fortalecimento do PSB e nem a filiação dessas forças progressistas ao partido”, acusam.

 

Os coordenadores do MPS, que é um dos segmentos internos do PSB, pontuam que a filiação de Kardec e das demais lideranças engrandeceria o partido em Mato Grosso. “O passado de luta do deputado Allan Kardec, prefeitos e vereadores, líderes de movimentos sociais e organizações populares e todo seu grupo muito enaltecerá as páginas da história política de  Mato Grosso”.

 

A manifestação ocorre depois que o secretário-geral do PSB de Mato Grosso, Milton Simplício, afirmou que os pré-candidatos a deputado estadual pela sigla rejeitaram a filiação de Kardec. Na nota, ele pontuou que o partido não pode se arriscar ao abrigar o parlamentar. “É bom lembrar que o deputado Alan Kardec faz parte de uma ala petista radical que protagonizou diversas brigas internas dentro do PT, acabando com o Partido no estado”.

 

Tão logo tomou conhecimento da manifestação, Kardec acusou o presidente estadual do PSB, deputado Valtenir Pereira de não ter ouvido os filiados ao PSB e ter tornado público um posicionamento isolado de quem não quer ver o crescimento da legenda, mas sim manter seu controle. “Não procede a informação de que busquei minha filiação apenas no Diretório Nacional, pois mantive conversas nos últimos meses inclusive com o próprio Valtenir, que sempre demonstrou interesse na minha filiação”.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas



ESTÚDIO HIPER
16º FESTIVAL DAS FLORES CUIABÁ 2019

INFORME PUBLICITÁRIO - GOV Conscientização no Trânsito

Prefeitura de VG - Aniversário de Várzea Grande 152 anos