Segunda-Feira, 17 de Junho de 2019, 13h:19

Tamanho do texto A - A+

Obreiro é preso suspeito de estuprar criança de 7 anos dentro de igreja Assembleia de Deus

Por: LUIS VINICIUS

O obreiro Jovelino Teles de Menezes, 64 anos, foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira (17), suspeito de ter estuprado uma menina sete anos. O crime teria acontecido dentro de uma das unidades da igreja Assembleia de Deus, localizada no bairro Cidade Alta, em Cuiabá. A prisão foi realizada por policiais da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente (Deddica).

joselino teles menezes (1).jpg

 

O crime supostamente aconteceu durante o culto realizado na noite de domingo (16), dentro do templo religioso. A vítima teria ido até o bebedouro quando foi puxada pelo suspeito. Em seguida, o homem passou a mão nas partes íntimas da criança.

Depois do crime, a criança contou aos familiares que havia sido estuprada. Assustados, os parentes denunciaram o homem para o pastor, mas se recusaram a chamar a Polícia Militar.

O pastor conversou com a vítima que reafirmou os fatos. Diante disso, o líder religioso pediu para que Jovelino fosse à Deddica, na manhã desta segunda-feira, para esclarecer as acusações em que ele estava sendo submetido.

Quando o homem chegou à unidade, os policiais constataram que ele tinha um mandado de prisão em aberto por um outro crime de estupro. No entanto, os agentes não informaram qual a idade da vítima e quando o crime foi cometido.

Depois da denúncia recebida, os policiais da unidade foram à casa da vítima, onde foram confirmados os fatos. Diante das afirmações, Jovelino foi preso em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável.

O suspeito será encaminhado ao Fórum de Cuiabá para passar por audiência de custódia. O caso continua sendo investigado.

Avalie esta matéria: Gostei +9 | Não gostei - 1

Leia mais sobre este assunto