Quarta-Feira, 16 de Maio de 2018, 17h:29

Tamanho do texto A - A+

Geller desconversa sobre candidatura a vice de Pedro Taques

Por: JESSICA BACHEGA

O ex-ministro de Agricultura Pecuária e Abastecimento Neri Geller (PP) desconversou sobre sua possível candidatura a vice-governador seguindo a eventual reeleição de Pedro Taques (PSDB). Ele reafirmou seu nome como candidato a deputado federal, em nota divulgada nesta quarta-feira (16).

 

Alan Cosme/HiperNoticias

neri geller

 Neri Geller reforça candidatura a deputado estadual

Por meio da assessoria, Geller declarou que os rumores de que seria candidato a vice não passam de especulações e que seguirá a decisão coletiva do partido. 

 

Ressalta que tem bom relacionamento com o governador e declara apoio a candidatura para nova gestão, porém seu nome está disponível para uma cadeira na Câmara dos Deputados.

 

“Conforme deliberações internas do Partido Progressista, inclusive, junto ao seu presidente, Ezequiel Fonseca, Neri Geller está à disposição do PP para construir uma candidatura a deputado federal”, diz trecho da nota.

 

Confira nota

Sobre as especulações acerca de uma possível composição do ex-ministro Neri Geller ao cargo de vice na reeleição de Pedro Taques ao Governo, ele vem a público esclarecer que: 

1.Qualquer projeto político que for construído com seu nome, será decidido, majoritariamente pelo seu partido, o Partido Progressista;

2.Até que as coligações sejam feitas e o Partido defina, no coletivo, em qual palanque irá subir nas próximas eleições, Neri Geller seguirá as orientações da sigla; 

3.Conforme deliberações internas do Partido Progressista, inclusive, junto ao seu presidente, Ezequiel Fonseca, Neri Geller está à disposição do PP para construir uma candidatura a deputado federal;

4.Por fim, o ex-ministro destaca o bom relacionamento que possui com o governador Pedro Taques, mas, ressalta que as afirmações ventiladas na imprensa não passam de especulações. Geller reforça que apoiará o candidato a governador respaldado pela convenção partidária, e sua candidatura, continua sendo a deputado federal.

 

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto