Terça-Feira, 12 de Junho de 2018, 18h:00

Tamanho do texto A - A+

MP pede à Delegacia Fazendária que investigue Felipe Wellaton

Por: MICHELY FIGUEIREDO

O Ministério Público Estadual requisitou a instauração de um inquérito para investigar a denúncia de que o vereador Felipe Wellaton (PV) estaria exigindo o repasse da verba indenizatória para abrir espaço na Câmara Municipal de Cuiabá para suplentes. A denúncia foi feita pelo ex-chefe de gabinete Jadson Nazário de Freitas. O caso foi encaminhado para a Deleracia Especializada em Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

felipe wellaton

 

Freitas ainda pondera, em sua denúncia, que o vereador também cobraria parte do salário dos funcionários lotados no gabinete dele. Outra ilegalidade supostamente cometida pelo parlamentar seria custear gastos pessoais com a verba indenizatória.


A denúncia levada ao Ministério Público Estadual foi direcionada à promotora Ana Cristina Bardusco, mas não permaneceu com ela, porque toda demanda encaminhada ao órgão obedece a um sistema de distribuição. Ao ser inserido neste sistema, o caso ficou sob a responsabilidade do promotor da Defesa da Administração Pública e Ordem Tributária, Sérgio Silva Costa. A investigação ocorrerá de forma sigilosa e não há um prazo para que seja concluída. Ficará responsável pelo caso o delegado Márcio Moreira Vera.   


A assessoria do vereador Felipe Wellaton (PV) informou que o parlamentar só vai se pronunciar sobre o caso quando tomar conhecimento da denúncia, o que ainda não ocorreu. No entanto, no plenário da Câmara Municipal de Cuiabá, na sessão desta terça-feira (12), o vereador disse que provará sua inocência.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei